Quando a arte encontra o limite, só que não.

Atualizado: Jul 3

Memórias Online


De um dia pra outro, acordamos com uma nova ordem mundial. Não aquela cantada por Caetano Veloso, mas esta de estado de paralização estrutural das nações por causa do vírus Covid19. E então pensamos como equipe e parceiros, decidindo usar o caminho que já existia em todos. As redes e as maneiras virtuais de relacionamento.


E como fazer a arte acontecer assim? Simples, já que a arte nos cabe a cada um, e vive em todos nós. Quem entende de quântica e até não entende, sabe que dentro, tudo vive mesmo que adormecidamente.


O que fizemos então? Continuamos de onde estávamos. Perdas sim, aconteceram, mas os ganhos foram inúmeros


A VIDA VIRTUAL

ESTAMOS CONECTADOS

YOUTUBE, FACEBOOK, INSTAGRAM, MESSENGER, MEET, SKIPE, TWITTER, LINKEDIN,

E não estávamos preparados? A natureza em stress total, o caos coletivo emocional, as disparidades econômicas, as religiões em crise, a sociedade doente, a violência e a intolerância à solta. Não estávamos preparados para uma parada? Temos muita sorte pois estamos conectados. Temos comunicação e interação virtual. Podemos dizeer, tenho saudades, sinto muito, obrigado, muito mais e tudo em tempo e cor. Podemos aprender, nos divertir, entender, compartilhar, ajudar, mesmo separados, mesmo isolados. Mesmo juntos.


E nesta mistura de caos e surpresa, podemos ARTE. Por que viver é realizar a arte de ser, buscar, interpretar e registrar o que melhor sabemos fazer: comunicar quem, como, onde, porque SOMOS.


Assim sublimamos o limite. Fazemos história. Criamos e inspiramos.

6 visualizações

© 2020 por Triade. Orgulhosamente criado com Wix.com 

Via Cultural Instituto de Pesquisa e Ação Pela Cultura

  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
  • Facebook Clean