Daykine Schitine D. 

Meu nome é Daykine, e o curso do Via cultural e SESC Ipiranga, o Memórias Construídas de conceitos culturais com varias técnicas, fotografia, restauro e artes visuais, me chamou mais atenção com as monotipias (misturadas à fotografia e vídeo). Estudando artes visuais, meu trabalho, a videoarte com embasamento na gambiologia e emaranhamento quântico se expressa na Berrodark Express.

Dois jovens da periferia de São Paulo começaram uma banda e sua amizade, trocando influências musicais e multiculturais dentro de uma garagem, que é aonde BerroDark//Express se cria.

A Palavra “express” presente no nome nos caracteriza muito, pois transitamos
entre trajetórias e experiências, afetivas e criativas. A investigação sonora de Berrocal traz à
tona sensações internas e inspira Darkline Taikina na criação dos vídeos. A nossa principal intenção e ponto crucial para este projeto é a imersão visual, narrando trajetórias e cruzando
intensamente a imagem e o som, transformando as trilhas em imagens imateriais que dialogam
com as imagens suscitadas no vídeo.

d0de97a1-ad8c-4829-babe-12107cd2d4e8
Day - Raizes, Portas e Buscas sem fim
Daykine - Beauty Massacre
Daykine_-_Eu_não_aguento_mais_a_minha_c

© 2020 por Triade. Orgulhosamente criado com Wix.com 

Via Cultural Instituto de Pesquisa e Ação Pela Cultura

  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
  • Facebook Clean